quarta-feira, 24 de setembro de 2008

O Eros e Amor

Eros em grego = deus do amor(cupído)

Amar é o desejo mais profundo do coração humano.

Amar é doar-se, é existir para alguém. O Eros é o primeiro impulso do amor. Eros ainda não é amor. eros não é simplesmente a paixão e o gozo de quem se apropria de alguém. Sempre se desconfiou do Eros, pois foi considerado irracional e incontrolável, egoísta, sujeito aos impulsos degradantes do comportamento humano. Contudo, o Eros pode ser o grande aliado do amor. Não só, o Eros pode ser o caminho do amor O Eros é impulso para tudo que merece ser amado: o bom, o belo e o verdadeiro.

O Eros é a energia maior, que a sexualidade, mas menor que o amor. O Eros se manifesta com todo vigor no sexo, mas o ultrapassa. O Eros é uma carência que ele mesmo não pode preencher. O Eros é energia disponível para o amor. O Eros é sede, fome, desejo, anseio, abertura; o Amor é transbordamento, fecundidade, expansão, comunhão. O eros é tendência a abraçar, a possuir. Eros é carência, é desejo de amor. O amor, que é a riqueza e o valor maior, exatamente por isso, se faz pobre, se esvazia, para poder dar-se como Dom. É a gratuidade do amor que sacia a carência do Eros.Deixar o Eros sem controle é conferir-lhe a tarefa suicida de matar o espírito, o amor e a vida e condená-lo à trágica aventura da insaciável busca de sensações, cada vez mais perversas, até a mais radical que é a morte. O Eros sem amor torna-se pornografia, uma função técnica para obter prazer, sem nenhum significado. O Eros é um recurso da pessoa que necessita ser administrado conscientemente em função do valor maior que é o amor.

O Eros não tem sede de sexo, mas de amor. Somente o Amor plenifica o Eros. contudo, não é o amor que está a serviço do Eros, mas o Eros está a serviço do Amor. Não amamos porque temos sexo, mas somos sexuados porque nosso vocação fundamental é amar. Eros sem amor é morrer; mas morrer por amor é ressuscita. Todo amor é erótico. Pode haver Eros sem amor, mas nunca amor sem Eros O Eros sem sua tensão sexual precisa ser canalizado pela vontade livre e consciente da pessoa para uma atitude afetiva de acolhimento, respeito, afirmação e promoção da pessoa amada. Desta forma o Eros realiza sua função maior: suscitar o amor. Eros e amor ambos vêm de Deus, ambos brotam do poder criador da Trindade. Eros é o impulso à unidade presente em todo universo, do qual faz parte também a pessoa humana. O Amor é a explícita unidade já presente entre Deus e a humanidade.


././././././././././././././././

O Cântico do Cânticos revela o Eros como sendo a busca do se humano por um amor sempre maior.

"O amor se mostra sempre maior daquilo que o corpo é capaz de expressar". Por isso a esposa que ama diz: "Estou doente de amor"(Ct 5,8)."Forte como a morte é o amor"(Ct 8,6).

Isto segundo o Papa João Paulo II, "expressa a potência do amor e a força do Eros na união amorosa". O ser humano é capaz de carregar apenas uma parcela de amor que o próprio coração humano deseja e por isso o Eros assume o aspecto .de desejo.

"O amor é uma chama do Senhor" que "as grandes águas não podem apagar", "nem os rios submergir"(Ct 8,6-7).

Eros amor humano ainda carregado do sentimento de posse-pertença, abre caminho para o amor de comunhão, semelhante à comunhão de amor da TRINDADE".

Fonte informação::-

Livro de HILDO CONTE - A VIDA DO AMOR - O sentido espiritual do Eros

Biografia::-Hildo Conte é frade capuchinho, natural de Antônio Prado (RS), nascido em 1957. Fez doutorado em Teologia Moral, na Academia Alfonsiana de Roma, defendendo a tese Os valores éticos do feminino. É formado em Comunicação Social pelo Studio Paolino Internazionale de Comunicazione Sociale - SPICS, de Roma. Atualmente leciona Comunicação e Teologia Moral na Escola Superior de Teologia e Espiritualidade Franciscana - ESTEF, e na PUC, em Porto alegre.

Indico esse livro e outras obras de Hildo Conte como : "Desejo de Amar"; "O amor é possível" e "Um caminho para o amor".

Visite também esse Site http://www.tudoperto.com.br/destaque_detalhe.php?id=18




8 comentários:

  1. Ai ai o amor!!
    Acho que fui flechada pelo Cupido!
    E que Eros nos abençoe seeempre!!
    Beeeeijooos

    ResponderExcluir
  2. Oi, Rô!

    Achei muito apropriado este texto e este tema. Vou dar prosseguimento ao assunto lá no Sensata Paranóia.

    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. "Love is in the air
    Everywhere I look around
    Love is in the air
    Every sight and every sound"

    Estou com essa música na cabeça nos últimos dias...

    Beijinhos, vovó Rô!!!

    ResponderExcluir
  4. Gostei de saber mais detalhes sobre Eros, muito interessante!
    Para quem está apaixonado, esse texto cai como uma luva!

    Eu estou apaixonada, mãezinha! \o/

    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pelos temas que escolhe para seu Blog, são ótimos, é prova que está ligada nos acontecimentos!


    Beijos

    ResponderExcluir
  6. É um imenso prazer visitar o
    castelo da rainha.

    Voltarei assim que tiver um tempinho.

    Um beijao!

    ResponderExcluir
  7. É um imenso prazer visitar o
    castelo da rainha.

    Voltarei assim que tiver um tempinho.

    Um beijao!

    ResponderExcluir
  8. Esse texto é perfeito. Tanto que acabei de copiá-lo para o meu pc. Vou imprimir para guardar.

    ResponderExcluir

"Concedei-nos, Senhor, a serenidade necessária
Para aceitar as coisas que não podemos modificar,
Coragem para modificar aquelas que podemos,
E sabedoria para distinguir umas das outras".

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails