sexta-feira, 2 de julho de 2010

"- SOBRE AMOR E CASAMENTO -









Definição para UNIÃO: 1. Amizade inseparável, amor inconfundível ,
 casamento. 2. Ligação muito forte entre duas, ou mais, 
pessoas.Definição de UNIÃO para mim: 1. SEM VOCÊ NÃO SEI VIVER.  2. 
ESTOU CONTIGO ATÉ A MORTE. 3. ANEL FEITO PARA NÃO SE QUEBRAR, MAS QUE É 
TÃO DELICADO QUE UMA SIMPLES PALAVRA PODE ESTILHAÇÁ-LO EM MILHÕES DE 
PEQUENOS PEDACINHOS, MAS QUE A CHANCE DE REJUNTÁ-LO SÃO GRANDES.


VOCÊ CONCORDA?




Amor e Casamento
O casamento é o túmulo do amor?

Gostamos de sonhar, e de coisas grandiosas. Gostamos dos grandes amores românticos. Mas a vida destes é, por norma, curta. Da paixão amorosa, o que é que fica? Da grandeza e do enamoramento, o que é que resta, na vida do casal?

Às vezes uma mão cheia de nada. A mulher e o homem revelam as suas facetas profundas. As ilusões e os instintos voam para novos ilusões, amores, paixões. Ou cai-se no desencanto e na negação do amor.

As lamentações de homens a mulheres, a atestar o desenlace cruel do amor lírico, e a considerarem o casamento como o túmulo do amor, abundam:

O casamento é uma festa em que a oração que precede o jantar é muitas vezes melhor que o jantar em si.
Charles Colton, 1780-1832, poeta e escritor inglês, Lacon  
É estranho confessar o prazer que nós, gente casada, sentimos ao ver esses pobres idiotas a caírem na armadilha da nossa situação.
Samuel Pepys, 1633-1703, escritor inglês, Diary   
Mas há uma outra face do amor do casal. Por natureza, o amor romântico é breve, mas o que dele fica não é necessariamente pesadelo. Muitas vezes fica o que é menos cantado, menos poético, mas infinitamente mais real. E o mais importante: ternura, simpatia, dedicação, memórias partilhadas, cumplicidade, respeito, refúgio e ajuda contra a crueldade da vida.

É nesse sentido que Sponville diz:

Um casal, quando feliz (ou mais ou menos feliz, porque a felicidade nunca é absoluta) é o lugar da verdade, da vida repartida, da confiança, da amizade gentil, das alegrias recíprocas, da gratidão, da fidelidade, da generosidade, do humor, do amor.
A. Compte-Sponville, filósofo francês, Pequeno Tratado das Grandes Virtudes 

fonte aqui

" Se não somos felizes, nem sempre é porque tudo vai mal. Também acontece, e com maior frequência, não sermos felizes quando tudo vai mais ou menos bem, pelos menos para nós. Penso em todos os momentos em que nos dizemos "tenho tudo para ser feliz". Só que não basta ter tudo para ser feliz... para sê-lo de fato". 

André Conte-Sponville

Só não se é feliz no casamento e se faz dele um túmulo,  quando fazemos do outro um objeto de posse.

Somos livres e devemos voar livres para podermos amar e respeitar o outro.

 O apostolo Paulo nos deixa uma capitulo inteiro com revelações para a prática do amor verdadeiro::..

 

01.O amor é paciente é benigno;
02.Não é invejoso;
03.Não se vangloria;
04.Não se ensoberbece;
05.Não se porta inconvenientemente;
06.Não busca seus próprios interesses;
07.Não se irrita;
08.Não suspeita mal;
09.O amor não se alegra com a injustiça, mas se regozija com a verdade;
10.Tudo sofre;
11.Tudo crê;
12.Tudo espera;
13.Tudo suporta;
14.O amor jamais acaba.

 

FERNANDO PESSOA

Tenho tanto sentimento
Que é frequente persuadir-me
De que sou sentimental,
Mas reconheço, ao medir-me,
Que tudo isso é pensamento,
Que não senti afinal.

Temos, todos que vivemos,
Uma vida que é vivida
E outra vida que é pensada,
E a única vida que temos
É essa que é dividida
Entre a verdadeira e a errada.

Qual porém é a verdadeira
E qual errada, ninguém
Nos saberá explicar;
E vivemos de maneira
Que a vida que a gente tem
É a que tem que pensar.



Pense um pouco, reflita um pouco...
Beijos de bom final de semana!



3 comentários:

  1. Olá, Rô.

    Creio que o casamento não é o "túmulo do amor", mas sim, a verdadeira prova desse amor. Explico: quando duas pessoas decidem viver juntas, convivem também com o defeitos do cônjuge. O amor, então, deve tolerar esses defeitos (é isso que Paulo diz na passagem bíblica, embora o contexto que ele afirma seja generalizado).

    Casamento é bênção.

    Beijos, Rô

    ResponderExcluir
  2. OI RO, que bom que esta tudo certinho pra vinda do seu filho para S. Francisco...tem muito brasileiro lá! Vai dar tudo certo!
    Obrigada pelo seu carinho de sempre, viu? e se fizer a florzinha me mostra, tá bom?!!
    Beijnhos carinhosos
    So

    ResponderExcluir
  3. Voinha eu acredito no amor, no casamento e no encontro de almas... Vejo sempre papai e mamãe tão felizes numa união de anos, pessoas que amo demais e que são referências em minha vida...

    Vejo a senhora e o vô Barba e isso me faz acreditar ainda mais no casamento...

    Vejo meu irmão e a esposa...

    Casamentos felizes, encontro de almas, amores perfeitos unidos por Deus!!

    Lindo, voinha!!

    Te amo!^^

    ResponderExcluir

"Concedei-nos, Senhor, a serenidade necessária
Para aceitar as coisas que não podemos modificar,
Coragem para modificar aquelas que podemos,
E sabedoria para distinguir umas das outras".

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails