segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

" - VAMOS JUNTOS VARRER A CORRUPÇÃO - "



Jesus nos pede um compromisso com a verdade e com a honestidade. As tristes situações que presenciamos todos os momentos pelos meios de comunicação social nos conclamam a uma mudança de mentalidade. Assim, levamos avante esta oportuna campanha, para que a legislação coíba aqueles e aquelas que não têm respeito pela coisa pública, impedindo-os de ascender ao poder.

Seja você, também, o primeiro a colaborar para banir da vida pública aqueles que se encontram inábeis. Não podemos ficar inertes ao que nos cerca na vida política brasileira, sendo plausível que o relativismo empobrece, como ensina Bento XVI: “Para educar, é preciso saber quem é a pessoa humana, conhecer a sua natureza. A progressiva difusão de uma visão relativista desta coloca sérios problemas à educação, sobretudo à educação moral, prejudicando a sua extensão a nível universal. Cedendo a tal relativismo, ficam todos mais pobres” (“Caritas in Veritate” n. 61).
+ Orani João Tempesta, O. Cist.
Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro, RJ.



Ficha Limpa fonte cnbb
Na próxima terça-feira, 23, a Câmara dos Deputados realizará uma audiência pública a respeito do projeto de lei 518/09, da Ficha Limpa. Esta foi a primeira e mais importante resolução do grupo de trabalho sobre o PLP, criado no Congresso, por determinação do presidente da casa, Michel Temer. A audiência será às 14h, no Plenário 2 da casa.



eu_apoioCom a nova lei, políticos indiciados por corrupção e lavagem de dinheiro serão banidos das próximas eleições. Agora, só precisamos convencer os nossos deputados a votarem a favor desta lei.

A lei enfrentará forte oposição de políticos corruptos que terão suas candidaturas ameaçadas. Somente com uma pressão popular massiva poderemos passar esta lei. Faça a sua parte e envie uma mensagem aos nossos deputados agora - use o formulário abaixo e divulguem entre seus amigos:

Envie uma mensagem agora!
http://www.avaaz.org/po/brasil_sem_corrupcao/

COLABORE COM A CAMPANHA, IMPRIMA SEU ADESIVO
http://www.mcce.org.br/node/144

Conheça a Campanha

Campanha Ficha Limpa contra a candidatura de políticos em débito com a Justiça
A Campanha Ficha Limpa foi lançada em abril de 2008 com o objetivo de melhorar o perfil dos candidatos e candidatas a cargos eletivos do país. Para isso, foi elaborado um Projeto de Lei de iniciativa popular sobre a vida pregressa dos candidatos que pretende tornar mais rígidos os critérios de inelegibilidades, ou seja, de quem não pode se candidatar.
O PL de iniciativa popular precisa ser votado e aprovado no Congresso Nacional para se tornar lei e passar a valer em todas as eleições brasileiras.
No dia 29 de setembro, o MCCE entregou ao presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer,  o Projeto de Lei de iniciativa popular, junto com 1 milhão e 300 mil assinaturas o que corresponde à participação de  1% do eleitorado brasileiro.
O PL já foi protocolado na mesa da Câmara e iniciou seu processo de tramitação na Casa, que será acompanhado de perto pelo MCCE.

A iniciativa do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) em lançar essa Campanha surgiu de uma necessidade expressa na própria Constituição Federal de 1988, que determina a inclusão de novos critérios de inelegibilidades, considerando a vida pregressa dos candidatos. Assim, quando aprovado, o Projeto de Lei de iniciativa popular vai alterar a Lei Complementar nº 64, de 18 de maio de 1990, já existente, chamada Lei das Inelegibilidades.
O Projeto de Lei de iniciativa popular sobre a vida pregressa dos candidatos pretende:
Aumentar as situações que impeçam o registro de uma candidatura, incluindo:
Pessoas condenadas em primeira ou única instância ou com denúncia recebida por um tribunal – no caso de políticos com foro privilegiado – em virtude de crimes graves como: racismo, homicídio, estupro, tráfico de drogas e desvio de verbas públicas. Essas pessoas devem ser preventivamente afastadas das eleições ate que resolvam seus problemas com a Justiça Criminal; Parlamentares que renunciaram ao cargo para evitar abertura de processo por quebra de decoro ou por desrespeito à Constituição e fugir de possíveis punições;
Pessoas condenadas em representações por compra de votos ou uso eleitoral da máquina administrativa.

Estender o período que impede a candidatura, que passaria a ser de oito anos.
Tornar mais rápidos os processos judiciais sobre abuso de poder nas eleições, fazendo com que as decisões sejam executadas imediatamente, mesmo que ainda caibam recursos.


NÃO DEIXE DE ASSINAR  CLIQUE AQUI::..
http://www.avaaz.org/po/brasil_sem_corrupcao/

Beijos de bom e lindo dia para você!
Rosane!

 

2 comentários:

  1. Rô,

    Antes de mais nada quero avisar que, agora sim, voltei ao meu blog e à blogosfera. Portanto, quando quiser visitar meu blog, as portas sempre estarão abertas pra você.

    Com certeza, devemos lutar para que a lei seja aprovada. Não devemos nos acanhar diante daquela velha história de que não vai dar certo. Tudo bem que eles legislam em causa própria, mas 2010 é um ano eleitoral, e outubro está logo ali, os deputados sabem que o eleitor brasileiro tem memória quando ela é fresquinha. Pelo menos alguma coisa dessa lei vai ser aprovada.

    Beijos Rô, e espero você no meu blog.

    ResponderExcluir
  2. Queri tanto pegar uma vassoura magica e varrer tanta sujeira...mas ja que não existem vassouras magicas me contento em varrer da minha vida toda sujeira.....
    Beijos
    Deusa

    ResponderExcluir

"Concedei-nos, Senhor, a serenidade necessária
Para aceitar as coisas que não podemos modificar,
Coragem para modificar aquelas que podemos,
E sabedoria para distinguir umas das outras".

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails