sexta-feira, 30 de outubro de 2009

- Blogagem coletiva dia das Bruxas -

BLOGAGEM COLETIVA DO KRIATIVA BLOG





De verdade eu não sabia nenhuma história ou lenda do dia das bruxas. Fui a captura de informações. Apesar do meu filho mais velho ter feito escola de inglês em minha cidade quando garoto e sempre comemorar esse dia, nunca me liguei em me informar sobre tal comemoração. Apenas nesse dia comprava uma fantasia de bruxo ou qualquer outra uma que fosse bem horripilante fazia doces e mandava-o para escola.
Quando do convite da Raquel para participar da Blogagem Coletiva comecei a procurar alguma coisa e gostei dessa história ou lenda, que encontrei ::..



"Há várias lendas em volta do dia das bruxas. Em uma delas é que no dia 31 de outubro, um dia após o Dia do Corvo (dia 30 de outubro e que é considerado nas religiões pagãs o senhor e guardião do portal entre os vivos e os mortos) todos aqueles que morreram no ano anterior, voltariam a terra e poderiam tomar posse dos corpos vivos e fazer deles seu festim antes de voltarem a escuridão da morte. Assim, para assustar os mortos e impedir essa possessão, a população apagava sua fogueiras e velas, se vestiam com roupas assustadoras e andavam em volta das vilas para espantar os mortos que viessem vistá-los.

Embora essa prática fosse condenada pelos católicos – que acreditavam que os mortos só voltariam no Dia do Juízo. Sua prática contínua por séculos levou por fim a uma tentativa dos cristãos de assimilar a data, ao ser agregada no calendário cristão quando passou a ser definido o Dia de Finados (mortos) no dia 02 de novembro, mas isso não inibiu o halloween e suas práticas.

Tanto é que no século 17, os irlandeses que imigraram aos Estados Unidos levaram essa tradição ao país que por fim a difundiu para o mundo todo. Hoje em dia até na Ásia o dia 31 é comemorado com “gostosuras ou travessuras”.

FONTE AQUI



É BOM SABER::.

Algumas informações sobre o Halloween, o Dia das Bruxas

História




Photobucket

imagem aqui


A origem do halloween remonta às tradições dos povos que habitaram a Gália e as ilhas da

Grã-Bretanha entre os anos 600 a.C. e 800 d.C., embora com marcadas diferenças em relação às atuais abóboras ou da famosa frase "Gostosuras ou travessuras",

exportada pelos Estados Unidos, que popularizaram a

comemoração. Originalmente, o halloween não tinha relação com bruxas. Era um festival do calendário celta da Irlanda, o festival de Samhain, celebrado

entre 30 de outubro e 2 de novembro e marcava o fim do verão (samhain significa literalmente "fim do verão" ).

A celebração do

Halloween tem duas origens que no transcurso da História foram se misturando:

A celebração do Halloween tem duas origens que no transcurso da História foram se misturando:

Origem Pagã

A origem pagã tem a ver com a celebração celta chamada Samhain, que tinha como objetivo dar culto aos mortos. A invasão das Ilh

as Britânicas pelos Romanos (46 A.C.) acabou mesclando a cultura latina com a celta, sendo que esta última acabou minguando com o tempo. Em fins do século II, com a evangelização desses territórios, a religião dos Celtas, chamada druidismo, já tinha desaparecido na maioria das comunidades. Pouco sabemos sobre a religião dos druidas, pois não se escreveu nada sobre ela: tudo era transmitido oralmente de geração para geração. Sabe-se que as festividades do Samhain eram celebradas muito possivelmente entre os dias 5 e 7 de novembro (a meio caminho entre o equinócio de verão e o solstício de inverno). Eram precedidas por uma série de festejos que duravam uma semana, e davam início ao ano novo celta. A “festa dos mortos” era u

ma das suas datas mais importantes, pois celebrava o que para nós seriam “o céu e a terra” (conceitos que só chegaram com o cristianismo). Para os celtas, o lugar dos mortos era um lugar de felicidade perfeita, onde não haveria fome nem dor. A festa era celebrava com ritos presididos pelos sacerdotes druidas, que atuavam como “médiuns” entre as pessoas e os seus antepassados. Dizia-se também que os espíritos dos mortos voltavam nessa data para visitar seus antigos lares e guiar os seus familiares rumo ao outro mundo.

Origem Católica

Desde o século IV a Igreja da Síria consag

rava um dia para festejar “Todos os Mártires”. Três séculos mais tarde o Papa Bonifácio IV († 615) transformou um templo romano dedicado a todos os deuses (panteão) num templo cristão e o dedicou a “Todos os Santos”, a todos os que nos precederam na fé. A festa em honra de Todos os Santos, inicialmente era celebrada no dia 13 de maio, mas o Papa Gregório III(† 741) mudou a data para 1º de novembro, que era o dia da dedicação da capela de Todos os Santos na Basílica de São Pedro, em Roma. Mais tarde, no ano de 840, o Papa Gregório IV ordenou que a festa de Todos os Santos fosse celebrada universalmente. Como festa grande, esta também ganhou a sua celebração vespertina ou vigília, que prepara a festa no dia anterior (31 de outubro). Na tradução para o inglês, essa vigília era chamada All Hallow’s Eve (Vigília de Todos os Santos), passando depois pelas formas All Hallowed Eve e “All Hallow Een” até chegar à palavra atual “Halloween”.


Uma informação extremamente importante que considero bom saber para quem tem crianças em casa::..


Novos elementos do Halloween

A celebração do 31 de Outubro, muito possivelmente em virtude da sua origem como festa dos druidas, vem sendo ultimamente promovida por diversos grupos neo-pagãos, e em alguns casos assume o caráter de celebração ocultista. Hollywood fornece vários filmes, entre os quais se destaca a série Halloween, na qual a violência plástica e os assassinatos acabam por criar no espectador um estado de angústia e ansiedade. Muitos desses filmes, apesar das restrições de exibição, acabam sendo vistos por crianças, gerando nelas o medo e uma idéia errônea da realidade. Porém, não existe ligação dessa festa com o mal. Na celebração atual do Halloween, podemos notar a presença de muitos elementos ligados ao folclore em torno da bruxaria. As fantasias, enfeites e outros itens comercializados por ocasião dessa festa estão repletos de bruxas, gatos pretos, vampiros, fantasmas e monstros, no entanto isso não reflete a realidade pagã.

FONTE AQUI


Photobucket
imagem aqui


Me diz ::..




GOSTOSURAS OU TRAVESSURAS?...
EU SOU MAIS DAS GOSTOSURAS MAS AS TAMBÉM fazer travessuras É BOM, DIZ A VERDADE???



Bom e maravilhoso dia para você!
Beijos cheios de gostosuras para você e de muita travessura!
Rosane!




"QUE SEU FIM DE SEMANA SEJA ILUMINADO E CHEIO DE AMOR E PAZ!"










4 comentários:

  1. Te vi na inscrição. Vim conferir.

    amei.
    Fiqcou super legal...Bastante informações.
    Eu já estou lá.

    Estou no Halloween e vc.???
    Venha e veja.
    http://sandrarandrade7.blogspot.com/

    Um bom final de semana.
    Bjs,
    Sandra

    ResponderExcluir
  2. Não sabia desta blogagem, será que ainda dá para participar? :) Rô, tudo que escreveu é novidade para mim. Apesar de ter amiga que se diz "Bruxa", ela não fala sobre essas coisas (rs*) Bom fim de semana! Beijus,

    ResponderExcluir
  3. OLá,RÔ
    A História do dia das bruxas é bem interessante
    É bom que ao ler seu post fiquei um conhecendo um pouquinho. Confesso que sou um tanto patríota ,preferia que as pessoas valorizassem mais o folclore nacional,nossas lendas e histórias tão ricas. Enfim, como valorizo também conhecimento obrigada por compartilhar a origem do dia das bruxas comigo

    beijos no coração!

    ResponderExcluir
  4. Eu gostei de sua explicação, foi muito esclarecedora.
    Mas eu acho que aqui no Brasil não há necessidade de realizar esta brincadeira, porque não incentivar o dia do folclore em agosto que são esencialmente brasileiras?
    Voltei de Nova York cheia de Hallowen. Gostei das aboboras, mas tudo muito superficial.
    Com carinho Monica

    ResponderExcluir

"Concedei-nos, Senhor, a serenidade necessária
Para aceitar as coisas que não podemos modificar,
Coragem para modificar aquelas que podemos,
E sabedoria para distinguir umas das outras".

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails