sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Para sempre vou te amar...


Amando e amando a cada dia que passa amo mais e mais meu esposo.
Por seu carinho e dedicação para comigo. Principalmente pelos momentos que estou vivendo pós tratamento. Ele está sempre tomando conta de mim, respeitando essa faze que estou passando.
Quanta paciência, meu Deus!!!
Hoje quando acordei pensei em ler um pouquinho antes de colocar algo aqui no bloguinho. Liguei o computador e comeceia ler coisinhas que leio, gosto e depois coloco aqui.
Meu blog é uma espécie de diário arquivo, por isso admiro tanto as pessoas que conseguem expressar em palavras aquilo que sentem e vai dentro suas almas.
Voltando, encontrei em meus guardados textos de Gibran Kalil Gibran. Lendo os textos, me vi com dezoito anos, quando conheci Arsênio. Juntei três textos de Gibran que são exatamente a história do nosso relacionamento.

Do Primeiro Olhar

É aquele momento em que a Vida passa da sonolência para a alvorada. É a primeira chama que ilumina o íntimo mais profundo do coração. É a primeira nota mágica arrancada das cordas de prata do sentimento. É aquele momento instantâneo em que se abrem diante da alma as crônicas do Tempo, e se revelam aos olhos as proezas da noite, e as vozes da consciência. Ele é que abre os segredos da Eternidade para o futuro. É a semente lançada por Ishtar, deusa do Amor, e espargida pelos olhos do ser amado na paisagem do Amor, depois regada e cuidada pela afeição, e finalmente colhida pela alma.

O primeiro olhar vindo dos olhos do ser amado é como o espírito que se movia sobre a face das águas e deu origem ao céu e à terra, quando o Senhor sentenciou: "E agora, vivei!"


Trocamos olhares primeiros em uma festa de noivado de uma prima minha, véspera de Natal.

No dia seguinte ele me pediu em namoro.


Do Primeiro Beijo

É o primeiro gole de néctar da Vida, numa taça ofertada pela divindade. É a linha divisória entre a dúvida que engana o espírito e entristece o coração, e a certeza que inunda de alegria nosso íntimo. É o começo da canção da Vida e o primeiro ato do drama do Homem Ideal. É o vínculo que une a obscuridade do passado com a luminosidade do futuro; é a ponte entre o silêncio dos sentimentos e a sua própria melodia. É uma palavra pronunciada por quatro lábios, proclamando o coração um trono, o Amor um rei e a fidelidade uma coroa. É o toque leviano dos dedos delicados da brisa nos lábios da rosa — pronunciando um longo suspiro de alívio e um suave gemido.

É o começo daquela vibração mágica que transporta os amantes do mundo das coisas e dos seres para o mundo dos sonhos e das revelações.

É a união de duas flores perfumadas; e a mistura de suas fragrâncias, para a criação de uma terceira alma.

Assim como o primeiro olhar é uma semente lançada pela divindade no campo do coração humano, assim o primeiro beijo é a primeira flor nascida na ponta dos ramos da Árvore da Vida.


Naquele tempo a mais ou menos 37 anos demorei mais de quinze dias para dar o primeiro beijo.

E quando aconteceu meu marido quase foi a loucura, parou o carro no meio da rua e gritava...-Consegui! Consegui! ela é minha para sempre!

Não, não é para rir...as coisas funcionavam assim mesmo.

Depois veio ...

Do Casamento

Aqui o Amor começa a traduzir a prosa da Vida em hinos e cânticos de louvor, com música que é preparada à noite para ser cantada durante o dia. Aqui a força do amor despe-se dos seus véus, e ilumina todos os recessos do coração, criando uma felicidade que só é excedida pela da Alma quando se encontra com Deus.

O casamento é a união de duas divindades para dar nascimento a uma terceira na terra. É a união de duas almas num amor tão forte que possa abolir qualquer separação. É aquela superior unidade que junta as metades antes separadas, de dois espíritos. É o elo de ouro de uma cadeia cujo começo é um olhar, e cujo fim é a eternidade. É a chuva pura que cai de um céu perfeito para frutificar e abençoar os campos da divina Natureza.

Assim como o primeiro olhar entre os que se amarão é como uma semente lançada no coração humano, e o primeiro beijo de seus lábios uma flor nos ramos da árvore da vida, também a união de dois amantes pelo casamento é como o primeiro fruto da primeira flor daquela semeadura.


Assim é meu eterno amor por meu esposo. Com espinhos, com tempestades,concordamos, discordamos,brigamos, ficamos de bico...mas... com cumplicidade, com carinho, paciência, humildade, perdão, tropeços, tristezas e muito, mas muito mais alegrias. Com agradecimentos, com fé, com Deus e sempre, sempre em comunhão. Não somos de muito chamego, mas somos amantes na vida e no sexo.

E para completar minha história de amor eterno ficou a música, a nossa música aquela que tocou pela primeira vez quando nos conhecemos, aquela que tocou em nosso enlace e que ficou como tema do nosso eterno amor.





A Sabedoria Eterna sempre lhe fala numa linguagem misteriosa; a Alma e a Natureza conversam entre si, enquanto o Homem permanece mudo e confuso.

Mas o Homem já não chorou com esses sons ? E suas lágrimas não são, porventura, uma eloqüente demonstração?


Divina Música!

Filha da Alma e do Amor.

Cálice da amargura

e do Amor.

Sonho do coração humano,

fruto da tristeza.

Flor da alegria, fragrância

e desabrochar dos sentimentos.

Linguagem dos amantes,

confidenciadora de segredos.

Mãe das lágrimas do amor oculto.

Inspiradora de poetas, de compositores

e dos grandes realizadores.

Unidade de pensamento dentro dos fragmentos

das palavras.

Criadora do amor que se origina da beleza.

Vinho do coração

que exulta num mundo de sonhos.

Encorajadora dos guerreiros,

fortalecedora das almas.

Oceano de perdão e mar de ternura.

Ó música.

Em tuas profundezas

depositamos nossos corações e almas.

Tu nos ensinaste a ver com os ouvidos

e a ouvir com os corações.


Textos de Gilbran Kalil Gilbran




Que você assim como eu tenha um fim de semana cheio de amor, luz e muita paz!

Rosane!

9 comentários:

  1. Olá Ro!
    Que post lindo! Que amor lindo! Parabéns!
    Vim agradecer a visita ao "Coisas da Maura"!
    Amanhã é o último dia para enviar as para enviar as fotinhos para participar da brincadeira "Mostre seu Cantinho" e concorrer a dois lindos mimos para seu lar!!!
    Saiba mais:
    http://coisasdamaura.blogspot.com/2009/08/amanha-e-o-ultimo-dia.html
    Tenha um belo final de semana!
    Bju!

    ResponderExcluir
  2. Lindo, Rô. E é bom ver que vocês continuam escrevendo essa história até hoje com o mesmo amor. É sem dúvida um exemplo. Engraçado perceber como as coisas mudaram: hoje em dia às vezes nem dá muito tempo entre o primeiro olhar e o primeiro beijo, que vem antes do namoro, que às vezes nem acontece e já se pula logo para o sexo... Mas, mesmo de um jeito diferente, vejo que as pessoas nunca deixarão de buscar o amor, casadas ou não.

    Beijos, querida, bom final de semana!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Rô.
    Que lindo!! É incrivel como é bom falar de amor não é mesmo?
    Desculpe-me por ter andado afastada,mas tive uns problemas e agora q parecia q tudo estava se encaminhando minha filha está com suspeita de ter contraido a gripe A, mas graças a Deus já esta sendo tratada.
    Um grande bjo

    ResponderExcluir
  4. Rô,
    adorei o post...
    Olha vim te fazer um convite... Lancei um desafio no Ideias de Milene. Leia o post e comente, respondendo a pergunta proposta nos comentários...
    Conto com vc...
    bjão

    ResponderExcluir
  5. Que lindo ! Também acredito na união de duas pessoas , estou casada a 28 anos e cada dia é um desafio e aprendizado ! Obrigado pela carinhosa visita e um ótimo final de semana !Abraços

    ResponderExcluir
  6. Que linda hisória de amor, vovó! Se Deus quiser vou ter uma história de amor assim para contar, com começo, meio e para sempre felicidades.

    Um beijo enorme, vovó linda!!!

    ResponderExcluir
  7. Nossa, acho que tô ficando gagá, Rô!!! Eu tinha certeza que tinha comentado este post, que coisa!!!

    Bom, você já sabe como eu acho linda a tua história de amor com o vovô Barba, né? Agora que conheço os dois pessoalmente posso dizer que fico mais emocionada de lembrar do carinho e amor verdadeiro que existe na sua família, é lindo de ver e foi mais lindo ainda sentir tudo isso bem de pertinho!

    Parabéns por sempre falar desse amor aqui, assim eu não perco as esperanças de ser feliz um dia, porque através de você eu sei que o amor existe e é real!!!

    Obrigada, mãezinha!!! TE AMO!!!

    ResponderExcluir
  8. Rô.

    Muito muito obrigado pelas palavras e pela presença sempre especial no Re-novidade. Eu aprendo muito com você! Digo com o coraçao sincero. Com os textos que você posta e com a tua atitude sempre cheia de amor, fé e esperança.
    Um abraço forte e fraterno.
    Inté!

    ResponderExcluir
  9. Voinha, a senhora conseguiu molhar meus olhos com essas palavras!!^^
    Lindo demais!!
    Beijos nesse coração puro, amo a senhora!!

    ResponderExcluir

"Concedei-nos, Senhor, a serenidade necessária
Para aceitar as coisas que não podemos modificar,
Coragem para modificar aquelas que podemos,
E sabedoria para distinguir umas das outras".

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails