quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Carta de um homem a todas a mulheres

Imagem aqui


Carta de um homem a todas as mulheres


'Eu aprendi...que sempre posso fazer uma prece por alguém quando não tenho força para ajudá-lo de alguma outra forma'.

(William Shakespeare )

Não importa o quanto pesa.É fascinante tocar, abraçar e acariciar o corpo de uma mulher. Saber seu peso não nos proporciona nenhuma emoção.

Não temos a menor idéia de qual seja seu manequim. Nossa avaliação é visual.
Isso quer dizer, se tem forma de guitarra.... Está bem. Não nos importa quanto medem em centímetros - é uma questão de proporções, não de medidas.

As proporções ideais do corpo de uma mulher são: curvilíneas, cheinhas, femininas... Essa classe de corpo que, sem dúvida, se nota numa fração de segundo.

As muito magrinhas que desfilam nas passarelas seguem a tendência desenhada por estilistas que, diga-se de passagem, são todos gays, e odeiam as mulheres, e com elas competem. Suas modas são retas e sem formas, e agridem o corpo que eles odeiam, porque não podem tê-los.
Não há beleza mais irresistível na mulher do que a feminilidade. A elegância e o bom trato são equivalentes a mil viagras.

A maquiagem foi inventada para que as mulheres a usem. Usem!
Para andar de cara lavada, basta a nossa. Os cabelos,quanto mais tratados, melhor.
As saias foram inventadas para mostrar suas magníficas pernas. Porque razão as cobrem com calças longas? Para que as confundam conosco?

Uma onda é uma onda, as cadeiras são cadeiras, e pronto. Se a natureza lhes deu estas formas curvilíneas, foi por alguma razão, e eu reitero: nós gostamos assim. Ocultar essas formas é como ter o melhor sofá embalado no sótão.

É essa a lei da natureza... que todo aquele que se casa com uma modelo magra, anoréxica, bulímica e nervosa logo procura uma amante cheinha, simpática tranqüila e cheia de saúde.
Entendam de uma vez! Trate de agradar a nós, e não a vocês, porque nunca terão uma referência objetiva, do quanto são lindas, dita por uma mulher.

Nenhuma mulher vai reconhecer jamais, diante de um homem, com sinceridade, que outra mulher é linda.

As jovens são lindas... mas as de 30 para cima, são verdadeiros pratos fortes. Por Karina Mazzocco, Eva Longaria, Angelina Jolie ou Demi Moore, somos capazes de atravessar o Atlântico a nado. O corpo muda... cresce. Não podem pensar, sem ficarem psicóticas, que podem entrar no mesmo vestido que usavam aos 18.

Entretanto,uma mulher de 45, na qual entre na roupa que usou aos 18 anos, ou tem problemas de desenvolvimento, ou está se auto-destruindo.

Nós gostamos das mulheres que sabem conduzir sua vida com equilíbrio, e sabem controlar sua natural tendência à culpas. Ou seja, aquela que quando tem que comer, come com vontade (a dieta virá em setembro, não antes); quando tem que fazer dieta, faz dieta com vontade (não se sabota e não sofre); quando tem que ter intimidade com o parceiro, tem com vontade; quando tem que comprar algo que goste, compra; quando tem que economizar, economiza.

Algumas linhas no rosto, algumas cicatrizes no ventre, algumas marcas de estrias não lhes tira a beleza. São feridas de guerra, testemunhas de que fizeram algo em suas vidas, não tiveram anos 'em formol', nem em spa... viveram! O corpo da mulher é a prova de que Deus existe.
É o sagrado recinto da gestação de todos os homens, onde foram alimentados, ninados e nós, sem querer, as enchemos de estrias, de cesárias e demais coisas que tiveram que acontecer para estarmos vivos.

Cuidem-no!

Cuidem-se! Amem-se!

A beleza é tudo isto. Tudo junto!

Assinado: UM HOMEM

Presente José Carlos Manzano
.: Blog: A Casa do Zé Carloshttp://zecarlosmanzano.blogspot.com/
.: Blog: Almas Douradashttp://almasdouradas.blogspot.com/



Bom dia a todos(as)

Rosane!

5 comentários:

  1. Oi Rô, muito boa a carta, acho melhor imprimi-la e colocá-la onde eu possa lê-la todos os dias. É que ando meio pensativa sobre os efeitos da passagen dos anos.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Linda carta, lindo texto! Uma bela reflexão, não é mesmo, mãezinha?

    Rô, é claro que você pode repassar pra Roseane o meu post sobre os índios!
    E não precisa se preocupar, já estou bem melhor, foi uma virose que acabou com minhas forças, mas já passou, graças a Deus! OBRIGADA PELO CARINHO!

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. É um texto agradável..e traz uma visão verdadeira dos homens, que guiados pelo testosterona e pelo lado esquerdo do cerebro conferem primeiramente a mulher pelo seu físico, e preferem as curvas pois desperta maiores atenções...Isso é bom saber, pois conferimos diversos casos de bulimia e anorexia atingindo mulheres de todas as faixas etárias, já que prega-se num mondo da moda e da comunicação um padrão de beleza diferente do cotidiano..
    Mas acredito sim que uma outra mulher possa dizer verdades sobre a beleza de sua amiga, ou de outra mulher qualquer...E que antes de tudo devemos nos sentir bonitas para nós ... pra nossa própria visão e amor-próprio, e não só para os homens..
    "O repentino desejo de nos vermos formosa nos fez endereitar as costas. Formosa? Para quem? Para nós mesmas, logicamente."(Autora desconhecida)
    Obrigada pela visita ao nosso cantinho..E confira uma nova poesia!!
    Abraços poéticos!!

    ResponderExcluir
  4. Eita, que carta maravilhosa...Deu um up no ego, afinal nem eu que sou magra por uma questão de genetica , consigo ainda entrar num vestido da época de meus dezoito anos...aliás, não sobrou nenhum mesmo!
    Adorei.
    Beijos Rosane.

    ResponderExcluir
  5. Esse texto é 10! Vou te contar, o cara que escreveu arrebentou. Pelo menos falou por mim.

    É por aí mesmo.

    Vó Rô andei sumido uns tempos mas tou aqui de novo. Li que tem presente pra mim por aqui né, pode deixar que agora já esto levando e em breve vou agradecer.

    Bj e obrigado pelo carinho, pelas visitas quando estive ausente.

    Inté!

    ResponderExcluir

"Concedei-nos, Senhor, a serenidade necessária
Para aceitar as coisas que não podemos modificar,
Coragem para modificar aquelas que podemos,
E sabedoria para distinguir umas das outras".

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails