sábado, 3 de março de 2012

Poemas e Pensatas...

imagem aqui



Quero apenas cinco coisas
Primeiro é o amor sem fim
A segunda é ver o outono 
A terceira é o grave inverno 
Em quarto lugar o verão 
A quinta coisa são teus olhos 
Não quero dormir sem teus olhos. 
Não quero ser... sem que me olhes. 
Abro mão da primavera para que continues me olhando. 

Pablo Neruda







Chuva

Chuva, caindo tão mansa, 
Na paisagem do momento, 
Trazes mais esta lembrança 

De profundo isolamento. 
Chuva, caindo em silêncio 
Na tarde, sem claridade... 

A meu sonhar d'hoje, vence-o 
Uma infinita saudade. 
Chuva, caindo tão mansa, 

Em branda serenidade. 
Hoje minh'alma descansa. 
— Que perfeita intimidade!... 

Francisco José Lahmeyer Bugalho 




Beijos meus, cheios de ...




luz, paz, amor fé e esperança!





Um comentário:

  1. Ficou uma delicia de ler e de ver este seu blog hoje.
    Eu adorei!

    ResponderExcluir

"Concedei-nos, Senhor, a serenidade necessária
Para aceitar as coisas que não podemos modificar,
Coragem para modificar aquelas que podemos,
E sabedoria para distinguir umas das outras".

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails