segunda-feira, 5 de setembro de 2011

"A saudades fala português" - Antônio Carlos Affonso -




Saudades

Ter saudades não é só dizer "nostalgia", para traduzir saudade em outra língua. Saudade, conforme diz a canção, "é uma tristeza que não sabemos de onde vem".

Eu tenho saudades de tudo que marcou a minha vida. Nas lembranças dos “causos” que meus pais e avós, sertanejos, me contavam;

Quando vejo seus retratos, quando sinto cheiros, quando ouço uma voz, Que me lembra alguém a quem não esqueci; Quando me lembro das pessoas que convivi no passado.

Sinto saudades dos amigos que nunca mais vi, de pessoas com quem não mais falei ou cruzei...

Sinto saudades de minha infância, do meu primeiro amor, da primeira professora, dos meus amigos de infância, do primeiro beijo...

Sinto saudades até do presente, que não consigo aproveitar direito, devido ao redemoinho que se transforma nossa vida moderna. Tenho saudades do passado, próximo e distante, como de quando conheci minha esposa e namoramos e noivamos por longos dezoito meses, também sinto saudades do futuro, que não sei se vou conhecer, mesmo assim estou saudoso.

Este futuro no qual apostei toda minha vida e idealizei, me preparei, estudei, passei privações de vários tipos, mesmo assim sinto saudades, até porque eu não o conheço: nem ele a mim. É possível que o futuro seja diferente de tudo que sonhei, mesmo assim, dele sinto saudade.

Tenho saudades de quem um dia disse que viria e não veio; Sinto saudades de quem apareceu na minha vida como um furacão ou um cometa, sinto saudades.

Sinto saudades dos que se foram e de quem não me despedi direito nem torto, como meus irmãos queridos que não tiveram como me dizer adeus...

Tenho saudades de gente que passou na calçada contrária da minha vida, pessoas que só enxerguei de vislumbre;

Tenho saudades de coisas que eu tive e de coisas que nem sei se existiram na minha vida.

Mas que se soubesse, decerto gostaria de experimentar; Tenho saudades das gentes que, por eu ter cruzado a rua, deixei de conhecer.

Sinto saudades do cachorrinho, o Viajante, que tive um dia, quando criança e que me amava fielmente, como só os cães de crianças são capazes,

Dos livros que li e que me fizeram viajar, dos discos que ouvi e que me fizeram sonhar, das coisas que vivi e das que deixei passar, sem curtir na totalidade, para resgatar alguma coisa que nem sei o que é e nem onde perdi, mas mesmo assim, sinto saudades.

Vejo o mundo girando e penso que poderia estar sentindo saudades em Taboão da Serra, em Cravinhos, na cidade do Cabo, em Londres ou Xangai, ou em qualquer outro lugar do planeta.

E meu sentimento poderia se expressar em qualquer língua, mas que minha saudade, por eu ser brasileiro, só fala português, embora, lá no fundo, sei que ela fala todos os idiomas, mesmo que não saibam escrevê-la.

Creio que todos os povos sintam saudades, apenas eles não sabem demonstrá-la por palavras.

E é por isso que eu tenho ainda mais saudades...

Porque encontrei uma palavra para usar todas as vezes em que sinto este aperto no peito,

Irreverente, gostoso, triste, amargo, visceral,

mas que funciona melhor do que um sinal vital quando se quer falar de vida e de sentimentos.

Saudade é a prova inequívoca de que somos sensíveis;

De que amamos as coisas boas que perdemos ao longo da nossa existência...

Sentir saudade é prova de que sou um ser humano. E brasileiro!

Fragmentos da crônica “Saudades”, de Antônio Carlos Affonso h​t​t​p​:​/​/​r​e​c​a​n​t​o​d​a​s​l​e​t​r​a​s​.​u​o​l​.​c​o​m​.​b​r​/​c​r​o​n​i​c​a​s​/​3​8​6​2​3 Adaptação e Reedição: Yolanda PONTO DO POWER POINT Formatação original: Amélia Soares ameliasoares-55@hotmail.com

Recebi por e-mail



Ramalhete EspiritualUma linda semana para você!
Beijos meus cheios de,
luz, paz, amor, fé e esperança!




3 comentários:

  1. Rô, não sei se concordo quando dizem que saudade "é uma tristeza que não sabemos de onde vem".
    Não sentimos saudades do que foi ruim e sabemos bem a fonte da nossa saudade! :a
    Boa semana! Beijus,

    ResponderExcluir
  2. Ola Rô!

    Lindo, lindo, lindo....amei.

    Sou alguem que sente muita saudade....saudade triste sim, não por não ser de coisa boa, porque é, mas porque sei que não vai passar nunca....

    Um beijo grande de Portugal Rô

    Marília Marques
    armazemdepaixoes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. saudades todos nós sentimos e gostoso recordar

    ResponderExcluir

"Concedei-nos, Senhor, a serenidade necessária
Para aceitar as coisas que não podemos modificar,
Coragem para modificar aquelas que podemos,
E sabedoria para distinguir umas das outras".

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails